segunda-feira, 19 outubro 2020
Seguro Viagem Vital Card
Home » Blog » Norte Brasil: Maravilhas Inexploradas
Destinos Dicas de viagem

Norte Brasil: Maravilhas Inexploradas

Floresta Amazônica no Brasil
Norte Brasil: Maravilhas Inexploradas

Continuando nossa exploração pelas regiões do Brasil, neste artigo veremos sobre os maravilhosos destinos que o Norte do nosso país tem a oferecer. Por ser uma região pouco habitada, o Norte do Brasil oferece diversos pontos de ecoturismo. E essa exploração turística aumenta a cada dia na região. 

A região Norte do Brasil é composta por 7 estados, Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins. Neste artigo veremos os pontos turísticos em todos esses estados, incluindo o segundo maior rio do mundo, o rio Amazonas. E, também, o ponto mais alto do país, o Pico da Neblina a quase 3000 m de altitude. 

Acre

Palácio Rio Branco. Norte Brasil

Localizado no sudoeste da região Norte do Brasil; o turismo no Acre vem crescendo, porém, ele ainda gira em torno da capital Rio Branco. Lá é possível ter roteiros bem interessantes, repletos da cultura e história local, muito ecoturismo e uma deliciosa culinária local. Que tem influência de diversos países, além da influência brasileira, há também a influência portuguesa, peruana e especialmente a culinária boliviana.

Para começar a aproveitar a maravilhosa culinária do Norte brasileiro, recomenda-se uma visita no novo mercado velho de Rio Branco. Construído em 1920 e com uma forte obra de revitalização no final dos anos 90. O novo mercado velho fica na margem do rio Acre o local possui lojas que vendem artesanatos, excelente comida e bares. Ali pertinho também está o Palácio do Rio Branco que, hoje em dia, é um museu.

Um dos pontos turísticos mais importantes do estado é o Parque Ambiental Chico Mendes. Lá é possível fazer diversas trilhas em uma natureza bem conservada, possui um pequeno parque para a criançada e, também, um zoológico com algumas espécies protegidas. O local é bem famoso, por causa disso, diversos comerciantes vendem artesanatos ali próximo. 

Rio Branco ainda possui diversos outros pontos turísticos como, por exemplo, o museu da borracha, a Gameleira a Casa dos Povos da Floresta e muitos outros. Os pontos de lá são todos ricos em história e cultura local e vale muito a pena visitá-los. 

Por fim, ainda no Acre

Está presente uma das maiores áreas de conservação do Norte do Brasil. O Parque Nacional da Serra do Divisor. Na fronteira com o Peru, este parque nacional possui a maior área de biodiversidade de toda a Amazônia. Lá, além da flora e fauna, é possível ainda observar vestígios fósseis. Visitar o rio Moa, cujo em algumas épocas do ano é possível realizar esportes radicais. Por vezes, acontecem atividades culturais envolvendo os visitantes e os moradores indígenas da região. Porém, fique atento, dependendo do passeio uma visita ao Parque Nacional da Serra do Divisor não é para todo mundo. As trilhas por lá podem ser muito cansativas e a infraestrutura para visitantes não é das melhores.

Amapá

Rio Onça no Parque das Montanhas do Tumucumaque. Rio Onça no Parque das Montanhas do Tumucumaque. norte brasil

No nordeste do Norte do Brasil está o estado do Amapá. História, cultura, culinária e, obviamente, muito ecoturismo.

Na capital, Macapá, é possível visitar diversos parques, museus e comer um açaí que te dará energia pro resto do ano. As opções de turismo por lá são bem interessantes e com elas é possível absorver toda a cultura e história da região e do país. Um dos pontos que mais merece destaque é o Marco Zero do Equador. Afinal, Macapá é a capital do meio do mundo. O Marco Zero é um monumento de 30 m de altura, quando no equinócio é possível ver o Sol se alinhando perfeitamente com a construção. Projetando um raio de luz sobre a linha imaginária do Equador. 

Além disso no estado vale notar dois gigantescos parques nacionais. O primeiro sendo o Parque Nacional Montanhas do Tumucumaque, o maior parque nacional do Brasil e o maior de floresta tropical do mundo. Banhe-se em maravilhosos rios, faça diversas trilhas, veja a linda flora e fauna local e, também, visita as comunidades indígenas. Nesse passeio é necessário contratar um guia local. Na taxa geralmente já está coberto o gasto com transporte, geralmente feito por Voadeira, um barco com motor e casco de metal ou alumínio.

Para seu espírito aventureiro

No norte do Amapá está o Parque Nacional do Cabo Orange. Próximo ao parque das Montanhas do Tumucumaque, este parque também faz divisa com a Guiana Francesa. Contudo, o acesso a ele é limitado. Além de ser necessário contratar um guia, deverá ser obtido uma autorização com o ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade). Devido a isso, infelizmente, não é um passeio barato. Em média, para três dias de aventura os custos passam de 2mil reais. Mas, obviamente, com acesso ao local você terá uma experiência única em sua vida. Além da incrível flora e fauna, você poderá ter a história da República do Cunani explicada pelo guia.

Amazonas

Floresta Amazônica no Brasil. norte brasil

Símbolo não somente do Norte brasileiro, mas de todo o Brasil. O Amazonas é o maior estado brasileiro, para se ter ideia do tamanho, some o território da França, Espanha, Suécia e Grécia e o Amazonas ainda será maior. Se ele fosse um país, seria o 16° maior do mundo. E, como consequência disso, não faltam opções de turismo na região. 

Como já virou costume, começaremos pela capital Manaus. A cidade é um daqueles destinos que merece um artigo próprio. Há muito que se ver e fazer nela. Começando pelo um dos pontos que é cartão postal da cidade, o Teatro Amazonas. Inaugurado em 1896 hoje em dia esse é um dos teatros mais bonitos do mundo. Além dos diversos espetáculos é possível visitar o museu do teatro.

Em Manaus compensa muito uma visita na praia da Ponta Negra, especialmente se visitar a cidade durante a virada do ano. Lá ocorre o maior réveillon do Norte do Brasil. E durante o ano inteiro ocorrem diversos tipos de eventos por lá. Esporte, música, teatro e mais! 

Ainda em Manaus está um dos encontros das águas mais famosas do Norte do Brasil, senão do mundo, o encontro dos rios Negro e Solimões. Uma das melhores opções para se aproveitar não somente Manaus, mas o estado inteiro é fazer um cruzeiro fluvial. Por ele você passará por diversos pontos incríveis no estado inteiro e rodar boa parte do rio Amazonas, vendo diversas maravilhas que tornaram não somente o Norte do Brasil, mas o país inteiro em um símbolo da biodiversidade.

Parques Nacionais

Num estado gigante como este, obviamente não faltariam opções de parques nacionais. Na lista falaremos sobre o Parque Nacional do Jaú, localizado no norte do estado. O local é patrimônio mundial natural da UNESCO, e possui entrada gratuita. Entretanto, é necessário preencher um formulário de entrada fornecido pelo ICMBio. Independente da época do ano há sempre o que ver por lá, porém, vale muito a pena visitar as cachoeiras do local. Em diversas delas, inclusive, é possível se banhar. 

E ainda no estado está presente a montanha mais alta do Brasil, o pico da neblina. Com uma altitude de 2995m. Mas fique atento, para escalada é necessário contratar um guia e obter autorização do ICMBio.

Há muito mais que se falar sobre o turismo no Amazonas, dentro e fora da capital. Essa foi somente a nossa modesta seleção de incríveis destinos presentes. Como em todo o território norte do Brasil, o turismo lá cresce a cada ano, especialmente quando se trata de ecoturismo. Diversas agências por todo o país estão criando pacotes pra conhecer as maravilhas presentes na região.

Pará

Belém, Brasil, Vista do porto de pesca em Belém, muitos barcos de pesca coloridos e um prédio rico ao fundo. norte brasil

Esse estado em questão de números de turismo da região norte do Brasil perde somente para o Amazonas, e não por muito. 

Em Belém nessa lista falaremos sobre três pontos; o Mangal das Garças. Um exuberante parque ecológico no centro histórico de Belém nas margens do rio Guamá. Há muito o que se fazer por lá, como visitar o farol de Belém, ver o museu, o orquidário ou comer em um excelente restaurante presente na região. O outro ponto turístico para se visitar na capital é o Museu Goeldi, um dos museus de história natural mais incríveis e mais importantes do mundo. Esse museu foi criado em 1886 como um centro de pesquisa da região amazônica. E hoje, é a instituição mais antiga da região norte do Brasil. 

Por fim, temos o Bosque Rodrigues Alves, um incrível e gigantesco jardim botânico. Estamos falando aqui de dezenas de milhares de espécies de flora e fauna. Da fauna é possível ver espécies como macacos e tucanos e diversas outras espécies em total liberdade. Como se não fosse o suficiente, o jardim botânico possui um aquário com diversos peixes da região norte do Brasil.  

Essa são apenas duas sugestões da incrível cidade que é Belém. Por lá ainda é possível visitar o Bioparque Amazônia, diversos outros museus, teatros e parques.

Sudoeste do estado

Na divisa com o estado do Amazonas, é possível visitar outro belo local, o Parque Nacional da Amazônia. Uma diversidade surpreendente de flora e fauna, diversas trilhas, cavernas e cachoeiras. O Pará ainda conta com outras opções turísticas como, por exemplo, a ilha de Marajó que é uma ilha fluvial. E visitar o município de Altamira, a cidade mais extensa do Brasil. Na região da cidade há diversas opções de pontos turísticos, por exemplo, belas praias e muita cultura preservada pelos índios da região.

Rondônia

Vista aérea do rio Madeira, ruas do centro da cidade de Porto Velho com o "Museu da Estrada de Ferro Madeira-Mamore" e a floresta amazônica ao fundo em um dia nublado de inverno. Rondônia, Brasil.

Localizado no sul da região norte do Brasil, Rondônia possui diversos atrativos turísticos. Por ser um dos estados brasileiros mais novos (estabelecido oficialmente em 1981), o turismo na região está crescendo.  

A capital Porto Velho está cheia de atividades pra se fazer. A cidade, na realidade, é a única capital do Brasil que faz divisa com a Bolívia. Devido a história da cidade ela recebeu diversos imigrantes não somente do Norte, mas de todas as outras regiões do país. Por lá você encontra muita comida boa que sofreu influência das diversas regiões brasileiras e também da Bolívia. 

Um dos pontos bacanas pra se visitar em Porto Velho é o Museu Ferroviário Madeira Mamoré, a estrada de ferro é também chamada de Ferrovia do Diabo. Essa ferrovia teve sua construção iniciada no início do século XX, e estimasse que a vida de pelo menos 6000 trabalhadores fora perdida durante as construções. O local está repleto de história e vale muito a pena visita-lo quando se visitar Porto Velho.

Todo pôr-do-Sol é único, e ele se torna ainda mais único em Porto Velho. Pra aproveitar um belíssimo pôr-do-Sol é possível fazer um passeio de barco pelo rio Madeira. As cores do céu lá são maravilhosas. E com um pouco de sorte é possível ver uns botos no rio Madeira.

Um bom local para visitar em Rondônia é o Vale das Cachoeiras, essa área de reserva está na fronteira de três municípios. Lá é possível fazer belas trilhas e ver uma cachoeira com uma queda superior a 30m.

Há bastante o que se fazer no estado, todos os anos possuem eventos e diversos outros atrativos históricos e culturais.

Roraima

Monte Roraima, Venezuela, América do Sul. norte brasil

Roraima é o estado mais ao Norte do Brasil. Tão ao norte que, inclusive, a capital Boa Vista é a única capital do Brasil ao norte da linha do Equador. 

Como diversas cidades no Norte do Brasil, o turismo em Roraima vem crescendo. Especialmente na capital Boa Vista. Lá há diversos atrativos culturais, praças e parques a serem visitados. Dois pontos que animam muito a capital é a Orla Taumanan, com diversos bares, restaurantes e música ao vivo. E a Praça das Águas, uma praça com diversas fontes cada uma com cor diferente que reage com a música tocada por caixas de som na área.

Agora, o ponto de turismo mais importante em Roraima, e talvez do norte inteiro do Brasil é o Monte Roraima. Localizado na divisa com a Venezuela e com a Guiana o Monte Roraima é um tepui em formato de mesa. O monte se eleva a 2810 m de altitude. Devido ao formato, a flora e fauna da região, as histórias das expedições no século XIX conquistaram os corações de alguns europeus. Dentre eles, o sir Arthur Conan Doyle. Que, devido as histórias das incursões, inspirou-se para escrever o livro “O Mundo Perdido”. Além de aprender sobre a história e geologia local, esse é um dos pontos que os praticantes de trekking devem conhecer. Inclusive os experientes podem até mesmo descobrir novas rotas para subir o monte.

Tocantins

JALAPAO, BRASIL, O pôr do sol visto do topo da formação rochosa chamada Pedra Furada é uma das atrações turísticas da região do Jalapão, no estado do Tocantins

Finalizando nossa lista dos destinos do Norte do Brasil com Tocantins. O estado mais novo do Brasil.

Palmas se destaca por diversos projetos muito interessantes de arquitetura, assim como suas praças. Dentre tudo isso um dos pontos mais famosos da cidade é a Praça dos Girassóis, que é a maior praça da América Latina, a área da praça tem 571 km². Nela é possível ver diversos monumentos que contam a história de todo o estado. Além disso, na mesma praça está o Palácio Araguaia. O local é sede do poder executivo do estado, uma belíssima e grande construção moderna.

A capital também conta com praias de água doce, uma das principais sendo a praia da Graciosa. Em uma cidade que a temperatura passa dos 32° essa praia é muito bem-vinda. Além de poder se banhar, o local conta com diversos bares, restaurantes, eventos culturais, e práticas esportivas. Inclusive esportes náuticos. 

Mas, apesar de tudo isso, o Tocantins possui possivelmente um dos melhores pontos turísticos para se visitar, não somente da região Norte, mas de todo o Brasil. O Parque Estadual do Jalapão. Não há forma melhor de fechar esse artigo sobre o Norte do Brasil do que falar sobre o Jalapão.

O turismo na região vem crescendo muito nos últimos anos e, hoje em dia, é possível conseguir pacotes de viagens em praticamente todas as agências do Brasil. Lá há opções pra todos tipos de turistas, esportes radicais, pra quem quer só relaxar ou bater fotos das incríveis paisagens do Jalapão. Rios, cachoeiras, lagoas, dunas gigantescas e muito mais. O Parque Estadual do Jalapão é absurdamente incrível, e todos que vão pra lá se apaixonam facilmente. Ah, e quando for, lembre-se de comprar uns artesanatos de capim dourado. 

Obrigado!

Esperamos que tenham gostado dessa nossa exploração pelo Norte brasileiro. E lembre-se, independentemente da escolha de seu destino, norte, sul, leste ou oeste, Brasil ou mundo; contrate um seguro viagem. Ele irá te poupar muita dor de cabeça por um investimento baixo.

Related posts

Deixe um Comentário