Nacional

Sudeste Brasil, Ecoturismo, História, Cultura e Mais

vista aérea cristo redentor morro corcovado
vista aérea cristo redentor morro corcovado - sudeste brasil

Afirmando o óbvio, o Sudeste do Brasil é a região com o turismo mais famoso do país. Afinal, quando se fala na palavra “turismo”, junto com imagens mentais da Torre Eiffel, das pirâmides do Egito, vem a imponente imagem do Cristo Redentor no topo do Corcovado. (E talvez das Cataratas do Iguaçu, mas isso fica para outro texto!).

Mas, nosso texto é sobre o sudeste inteiro; portanto, há muito mais que se falar além de uma das New 7 Wonders.

Ah, e antes de propriamente começarmos nossa lista; já falamos sobre o seguro viagem. Mesmo em viagens domésticas, ele sempre recomendado. Afinal, imprevistos acontecem a qualquer momento. Justamente por essa razão, um seguro viagem pode te poupar muita dor de cabeça (e dinheiro!).

Bem como, se você leu nossos artigos sobre as outras regiões do Brasil; Nordeste, Norte e Centro-oeste. Você percebeu que listamos os estados por ordem alfabética, entretanto, para o Sudeste a ordem será diferente.

RIO DE JANEIRO

            Começando a exploração do Sudeste do Brasil pelo estado fluminense. Quando o assunto é turismo o estado do Rio de Janeiro se destaca. Há diversas cidades em todo o pequeno estado que recebem diversos turistas o ano inteiro. Essas cidades também oferecem os mais variados tipos de roteiros. Ecoturismo, histórico, festivais, culinário, aventura e mais.

Paraty

rua pública em paraty sudeste brasil

Paraty foi um importante entreposto comercial durante o ciclo do ouro (século XVIII que ocorreu por todo o sudeste do Brasil). Durante o período, o município tornou-se um dos portos mais movimentados do Brasil. E, até hoje, a cidade guarda lembranças dessa época em seu centro histórico. Que também é patrimônio da humanidade pela UNESCO desde 2019. Mas além das construções históricas presentes em Paraty; uma das coisas que a torna muito bonita são nos dias em que a maré alta alaga as ruas do centro histórico. Nesses dias, é possível ver o reflexo das antigas construções na água. A visão é muito bonita e, sem dúvida, rende a todos os turistas que visitam o local diversas fotos.

Ecoturismo e mais história em Paraty

A quantidade de trilhas nos arredores da cidade é absurda. Sendo assim, falaremos apenas sobre a Estrada Real, também conhecido como Caminho do Ouro. Essa trilha pelas matas construída pelos escravos, conectava Paraty com os estados de São Paulo e Minas Gerais durante a corrida do ouro. Realizar parte da trilha nas proximidades de Paraty é uma experiência única. Muita natureza, diversas cachoeiras e, obviamente, muita história. Entretanto, a trilha hoje passa por propriedades privadas e é necessário contratar um guia. É possível acessar http://www.paraty.com.br/guias-de-turismo.asp para mais informações.

Eventos do município

Mal arranhamos a superfície das possibilidades turísticas desse maravilhoso município. Faltou falar sobre os diversos eventos que ocorrem durante o ano inteiro na cidade, por exemplo o festival de Jazz. Toda a possibilidade prática esportiva e de aventura. Entretanto, esse é o tipo de coisa que você descobrirá em sua viagem à Paraty!

Petrópolis

igreja em Petrópolis sudeste brasil

Conhecida também como a Cidade Imperial, devido ao fato de Dom Pedro visitar a cidade para lazer e repouso. Petrópolis é uma joia do sudeste do Brasil.

Petrópolis, na realidade é a cidade mais visitada da região serrana fluminense. Bem como Paraty, as possibilidades de roteiro são bem diversificadas. Ecoturismo, histórico e também o religioso. Entretanto, o turismo na cidade se destaca no mês de julho…

Bauernfest

Essa festa ocorre em julho. E é uma das maiores do Sudeste brasileiro, bem como de todo o Brasil. Festa realizada desde 1989 em homenagem aos imigrantes alemães, ela é a segunda maior do país no quesito (perdendo somente pro Oktoberfest de Blumenau).

Nela têm muita música, muita animação, salsicha. E, obviamente, muita, mas muita cerveja. Além disso tudo, o festival possui outras atrações que vale a pena visitar. Por exemplo, na mesma rua em que ocorre está o museu da cerveja. Também, ver as diversas apresentações tradicionais.

Rio de Janeiro

É claro que em um artigo sobre o turismo no Sudeste do Brasil não faltaria a Cidade Maravilhosa.

Bem como todo o estado, o turismo da capital fluminense é variado. O Cristo Redentor, os museus, as bibliotecas, as praias e, é claro, o carnaval. A cidade possui também outros pontos históricos de muita importância, por exemplo, o Cais do Valongo. Patrimônio Histórico da Humanidade pela UNESCO desde 2017, este é o único vestígio material que temos da chegada dos escravos da África nas Américas. O Cais do Valongo foi redescoberto em uma obra de revitalização da zona portuária em 2011.

É difícil falar sobre o turismo no Rio de Janeiro, afinal, diversos lugares já falam muito bem sobre. Por isso tentaremos relatar sobre atrações na Cidade Maravilhosa que não são tão cobertas.

Real Gabinete Português de Leitura

Real Gabinete Português de Leitura

Essa é uma das bibliotecas mais bonitas do mundo, ponto.

Não somente sua beleza, mas nela também está presente diversas edições históricas de livros. Por exemplo, uma primeira edição de Os Lusíadas (publicado em 1572)! Sem dúvidas, quando estiver no Rio de Janeiro compensa visitar essa incrível biblioteca.

Museu do Amanhã

Inaugurado em 2015, esse museu já recebe em cerca 1 milhão de visitantes por ano. A arquitetura do local é única, e o museu propõe uma narrativa sobre como poderemos viver os próximos 50 anos. Essa jornada, é feito através das quatro grandes perguntas que vem desde o início da humanidade; de onde viemos? Quem somos? Onde estamos? Para onde vamos? E como queremos ir?

Os valores dos ingressos para o Museu do Amanhã custam R$20,00 (inteira). E é uma experiência incrível pra toda a família.

Tem mais!

Como Paraty e Petrópolis, a superfície das possibilidades de turismo no Rio de Janeiro mal foi arranhada. Diversos outros museus, por exemplo, Museu de Arte do Rio. Diversas igrejas como, por exemplo, a Catedral de São Sebastião do Rio de Janeiro no coração do município. Bem como o próprio Cristo Redentor e o Corcovado e o Parque Nacional da Tijuca…

Tem mais no estado do Rio de Janeiro também!

escadaria em madeira (deck) fazendo caminho para o mar

O estado é rico em turismo. E demonstra muito bem a diversidade dos pontos turísticos presentes no Sudeste do Brasil. Faltou falar sobre diversas cidades, por exemplo, Niterói e Duque de Caxias. Praias como Búzios, Angra dos Reis e a Ilha Grande. E outros parques nacionais, por exemplo, o Parque Nacional de Itatiaia; onde está presente o Pico das Agulhas Negras. Divisa com o estado de Minas Gerais, este é um dos pontos mais altos de todo o Sudeste do Brasil. Local que fornece muito turismo de aventura.

Mas ainda temos os pontos turísticos dos três outros estados do Sudeste do Brasil para falar sobre! Portanto…

SÃO PAULO

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

            Dos estados do Sudeste do Brasil, São Paulo separa seu turismo em três polos; a capital, o litoral e o interior. Cada possui suas peculiaridades. Neste artigo, então, falaremos brevemente sobre os três polos do segundo maior estado do Sudeste do Brasil.

Polo da capital

O turismo em São Paulo capital brilha mesmo quando o assunto é negócio. Para o turismo de negócios, esta é a cidade brasileira que mais recebe turistas o ano inteiro. Diversas empresas do mundo inteiro fazendo diversos tipos de evento todos os dias na capital paulista. Mas, não estamos aqui para falar de negócios no Sudeste do Brasil. E sim turismo recreativo!

Gastronomia

São Paulo já foi eleita a capital gastronômica do mundo. A quantidade e qualidade dos restaurantes por lá é absurda. Sendo assim, em uma visita por lá é praticamente garantindo ótimas refeições. Parte disso se deve muito a quantidade de imigrantes que residem na capital. Em especial os italianos, que chegaram em grandes números em meados do século XIX.

Vale mencionar dois bairros; o primeiro sendo o bairro Vila Madalena. Neste, além de possui diversos ateliês e ser palco de diversas exposições artísticas, é possível achar diversos bares e restaurantes. Do boteco, a alta culinária. E, uma curiosidade sobre o bairro, repare o nome das ruas quando estiver por lá; são original, harmonia, girassol e por aí vai…

O outro é o Jardins; que, na realidade, engloba quatro bairros da cidade. Sendo eles: Jardim Paulista, Jardim América, Jardim Europa e Jardim Paulistano. Lá são bairros nobres, além de diversos restaurantes é possível encontrar também lojas de grife. Assim como museus e igrejas.

MASP

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

O Museu de Arte de São Paulo é parada obrigatória. Um dos mais importantes museus, não somente do Sudeste, mas de todo o Brasil. O MASP possui a maior coleção de arte ocidental do hemisfério sul. Conta com exposições de artistas de diversos países e também de diversas épocas. Os ingressos do museu custam R$45,00 (inteira).

Eventos pra tudo e todos

O pico do Jaraguá é uma opção de ecoturismo na capital, e provavelmente oferece uma das melhores visões da cidade. Assim como os diversos parques na cidade. Por fim, a cidade oferece eventos gigantescos o ano inteiro. Eventos pra tudo e todos, portanto, vale a pena ficar de olho no calendário quando for organizar sua viagem a São Paulo.

Polo do litoral

Sobre o litoral do estado, falaremos sobre Ilhabela.

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

Praias, cachoeiras, trilhas, esportes aquáticos, história, cultura, bares, baladas, birdwatching… Ilhabela têm de tudo pra todos. E, provavelmente, é um dos locais mais bonitos pra se visitar no Sudeste do Brasil.

Além de detalhar as belas paisagens presentes na ilha, compensa escrever um pouco sobre a interessante história de Ilhabela; durante os séculos XVI e XVII ela era um entreposto de piratas e corsários. De lá eles organizavam diversos ataques aos navios portugueses, isso originou diversas lendas de tesouros perdidos pela ilha. E aí, partiu explorar?

Santos e +

O litoral de São Paulo é grande. Em sua maioria, atrai turistas do próprio estado e também de Minas Gerais. Entretanto, faltou falar sobre diversas cidades interessantes. Por exemplo, Santos. O maior porto do país, bem como, um ponto histórico importante para o Sudeste e todo o Brasil. Além de que, assim como Petrópolis, Santos também era queridinha de Dom Pedro I. Tão queridinha que o imperador deu o título de “Marquesa de Santos” à sua amante.

Mas, ainda falta o polo do interior de São Paulo!

Polo do interior

Falamos sobre história, aventura, trilhas e etc… Mas, às vezes, em férias tudo que queremos é relaxar. Afinal, só queremos sair da correria do nosso dia a dia e aproveitar alguns dias sem fazer absolutamente nada. E, para um roteiro bem calmo, o interior paulista se destaca no sudeste do Brasil. Principalmente com o circuito das águas paulista.

O circuito das águas paulista é composto por 9 cidades; Águas de Lindoia, Amparo, Holambra, Jaguariúna, Lindoia, Monte Alegre do Sul, Pedreira, Serra Negra e Socorro.

Holambra

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

Todas as cidades tem suas peculiaridades e diversidade de roteiro, mas, para este artigo do sudeste do Brasil escolhemos Holambra.

Holambra é conhecido como “Capital das Flores”, afinal, essa pequena cidade é responsável por 40% da produção florícola no país. Além disso, a cidade também é uma colônia holandesa e diversos costumes são mantidos. Bem como, na estância está presente o maior moinho da América Latina. Ele tem quase 40 metros de altura e pesa 90 toneladas! Uma curiosidade sobre; em sua construção em 2008 foi colocada uma cápsula do tempo, que está programada para ser aberta em 12 de julho de 2108.

            Mas o que fazer? Bem, além de ver o moinho, os diversos campos floridos, a hotelaria de Holambra é excelente. Diversos hotéis e pousadas, bem como locais para camping. É um ótimo lugar do sudeste do Brasil pra ir e relaxar. Aproveite a culinária holandesa e conheça um pouco da história dos imigrantes.

Finalizando São Paulo

São Paulo, bem como os outros estados do Sudeste do Brasil possuem diversos pontos turísticos. Infelizmente, muita coisa ficou de fora da nossa listagem do estado. Mas, ainda temos que cobrir Minas Gerais e o Espírito Santo. E estes dois estados também possuem suas peculiaridades que tornam o Sudeste do Brasil uma ótima região para diversos tipos de roteiros.

MINAS GERAIS

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

            No maior estado do Sudeste do Brasil, sem dúvida não faltariam diversas atrações turísticas. A capital oferece uma variedade de opções, especialmente quando o assunto é boa comida e boteco. O interior de Minas Gerais, por sua vez, possui diversas cidades históricas e incríveis opções de ecoturismo.

Belo Horizonte

A terceira cidade mais populosa do Sudeste do Brasil. Ela recebeu o título de “capital nacional do boteco”. Nos meses de abril, ocorre em BH o festival Comida di Buteco. Nessa época, vale a pena visitar a cidade e provar os diversos petiscos servidos nos bares competidores.

Mas dos bares, BH possui diversos pontos de destaque. Daremos atenção especial a dois deles:

Conjunto arquitetônico da Pampulha

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

Esse local é Patrimônio Mundial pela UNESCO desde 2016. Na categoria “Paisagem Cultural”. O conjunto foi projetado nos anos ’40 a pedidos de JK por Oscar Niemeyer. Na época, o então prefeito de BH, Juscelino Kubitschek queria desenvolver a região norte da cidade. Nos arredores da Lagoa da Pampulha então Oscar Niemeyer e Joaquim Cardozo começaram as obras.

No local há dois museus e uma igreja. Enquanto em Belo Horizonte, uma visita à Pampulha é muito boa e, sem dúvida, te renderá diversas fotos.

Mercado Central

Parada obrigatória em BH. No Mercado Central de BH você poderá comprar de tudo. No entanto, as coisas que realmente merecem destaque é a comida mineira. Nos restaurantes almoce um feijão tropeiro; coma o típico pão de queijo; compre um monte de doce de leite, queijo, bem como a cachaça mineira.

O local foi fundado em 1929, e foi administrado pela prefeitura até 1964. Contudo, ela não podia manter mais o mercado. Alguns dos comerciantes então juntaram-se e compraram o local, bem como, construíram o galpão que é hoje.

Teatros, museus, praças, parques e igrejas

Como toda boa cidade não faltam esses diversos tipos de atrativos. Em BH, por exemplo, vale a pena visitar o Parque das Mangabeiras. Este parque, além de ser a maior aérea verde da capital mineira, é também um dos maiores parques da América Latina. Lá, inclusive, é possível praticar tirolesa. (Ingressos a partir de R$50,00).

Por fim, explorar BH é uma baita aventura. Quando visitar a cidade, compensa até mesmo sentar em um banco de praça e puxar papo com um nativo. O povo é bem acolhedor.

Ouro Preto

BH é incrível, mas é no interior do estado que o turismo do Sudeste do Brasil brilha. Um dos melhores exemplos disso é Ouro Preto. O centro histórico da cidade é patrimônio Mundial pela UNESCO desde 1980. Essa bela cidade foi uma das mais importantes (e uma das mais ricas) do ciclo do ouro brasileiro. Além do ciclo do ouro, Ouro Preto também foi um dos principais palcos da Inconfidência Mineira. A memória dos eventos, estão preservados no Museu da Inconfidência da cidade. No museu, você não aprenderá muito sobre a história do Sudeste do Brasil, mas da história do país como um todo. O ingresso custa R$10,00 (inteira).

O que ver e fazer em Ouro Preto

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

Andar pelas ruas do centro histórico de Ouro Preto é praticamente uma viagem no tempo. Absorver toda a história do município pelo o que ele foi; todo o bem, todo o mal. De todas as figuras de importância histórica que por lá passaram. De todos os pobres escravos que morreram erguendo as construções, bem como, do ouro que mineraram para o império português.

A história de Ouro Preto é ímpar. E está intimamente ligada com a história não somente do Sudeste do Brasil, mas de todo o Brasil.

Ouro Preto além da história

Além do turismo histórico. Em Ouro Preto é também possível realizar turismo religioso, bem como, ecoturismo.

No caso do ecoturismo, ele vem crescendo a cada ano na cidade. Entorno do município existem diversas trilhas (muitas das quais também são históricas), cachoeiras e, também, uma bela flora e fauna.

Diamantina

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

Outra cidade histórica de Minas Gerais. Entretanto, Diamantina, teve seu próprio ciclo, não do ouro, mas do diamante.

Os pontos turísticos de Diamantina são diversos; por exemplo, a casa em que Juscelino Kubitschek passou sua infância, a casa de Chica da Silva, dentre muitos outros. Afinal, o centro histórico de Diamantina também é Patrimônio Mundial da UNESCO. Todas as atrações históricas do município, você poderá conhecer por conta própria. Aqui falaremos sobre o ecoturismo na cidade, que cresce a cada ano.

Ecoturismo que, inclusive, se destaca no Sudeste do Brasil.

Parque Estadual do Biribiri

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

Esse parque é um dos responsáveis pelo crescimento do turismo em Diamantina. A flora e fauna é bem diversificada, bem como sua geologia.

O ponto de entrada do parque é a Vila de Biribiri. Lá está as instalações de uma antiga indústria. As construções no local antes serviam de alojamentos para seus funcionários. Hoje em dia, no entanto, funcionam como hospedaria e restaurante pros turistas que visitam o parque.

Atrações do parque Biribiri

Trilhas e cachoeiras. Mas o que realmente se destaca é a água cristalina das cachoeiras presentes no Parque Estadual do Biribiri. Não são as maiores ou as mais incríveis do Sudeste do Brasil, entretanto, as frias águas das cachoeiras desestressa qualquer um.

É uma ótima opção de roteiro. Entrar em contato com a bela natureza do Sudeste do Brasil e simplesmente relaxar.

Além do Parque do Biribiri

Diamantina ainda possui diversas outras atrações de ecoturismo, por exemplo, a Gruta do Salitre. Com paredões que chegam a 64 metros de altura. Além de aprender sobre a geologia do local, é possível a prática de esportes radicais no local.

Por fim, há outros pontos como o distrito Conselheiro da Mata. Neste distrito está o Riacho das Varas, com uma bela cachoeira cujo o acesso se dá pela Trilha Verde da Maria Fumaça, ótima trilha pra prática de ciclismo.

Uma das joias do Sudeste do Brasil

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

Há muito mais que ver e fazer em Minas Gerais. A cidade de Mariana, as estâncias hidrotermais por todo o estado, os diversos parques, e toda a cultura, história e gastronomia. Da mesma forma que todos os outros estados do Sudeste do Brasil, MG é um local maravilhoso. E todo turista que pretende conhecer bem o Brasil (não somente o Sudeste) deve visitá-lo.

ESPÍRITO SANTO

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

            Por fim, o último estado de nossa lista dos destinos no Sudeste do Brasil; Espírito Santo.

            Os pontos turísticos do Espírito Santo são levemente ofuscados pelos seus vizinhos do Sudeste. Entretanto, isso não quer dizer que o Espírito Santo não deve ser visitado. Na realidade, o estado está cheio de atrações, especialmente voltadas para o ecoturismo e diversas outras históricas. Além disso, o turismo no estado vem crescendo. E a cada ano a infraestrutura para o turismo melhora.

            Veremos aqui alguns destinos que agregam muito à qualidade dos pontos turísticos do Sudeste do Brasil.

Vitória & Vila Velha

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

Quando o assunto é turismo a capital Vitória e a cidade Vila Velha andam de mãos dadas.

Um dos pontos mais interessantes, e talvez de todo o Sudeste do Brasil, é o convento da Penha em Vila Velha. Construído lá por 1558, esse convento está no topo de um penhasco, a 154 metros de altitude. O local e a vista de lá é muito bonita. Bem como, ele ainda possui diversas pinturas de um dos maiores pintores do país, Benedito Calixto. Ah, e em abril acontece a Festa da Penha; uma das festas mais tradicionais do Espírito Santo e de todo Sudeste do Brasil.

Muitas praias

Uma coisa que não falta no Sudeste do Brasil são ótimas praias. Vitória não é exceção. A capital capixaba possui diversas praias, neste artigo do Sudeste do Brasil separamos duas cuja a visita é praticamente obrigatória quando estiver na cidade. A praia de Camburi e a Praia da Curva da Jurema.

A praia de Camburi é a maior da cidade. Nela ocorrem diversos tipos de eventos, especialmente esportivos. Por exemplo, vôlei e futebol, e até mesmo campeonatos de vela. O local é bem movimentado e há sempre coisas pra fazer por lá. Além disso, boa parte da rede hoteleira da cidade está presente próximo a essa praia.

Já a praia da Curva da Jurema é pra quem gosta de vida noturna. Devido aos diversos quiosques e bares na região, as noites por lá são bem badaladas. Praticamente todos os dias tem algum evento rolando por lá. E, durante o dia, muitos esportes aquáticos acontecem nessa praia. Em especial o jet ski.

Gastronomia Capixaba

A cozinha do Espírito Santo merece um tópico próprio. Em Vitória e sua região metropolitana, não deixe de provar as iguarias presentes do Estado. Especialmente se você for fã de frutos do mar! Pra quem gosta, lá você encontrará diversos dos melhores pratos do Sudeste do Brasil. Por exemplo, caranguejada, camarão no coco, pirão, a moqueca e muitos outros.

Por fim, se você cozinha, lembre-se de comprar uma panela de barro.

Além da capital

Vitória é um ótimo lugar pra se visitar, entretanto, o Espírito Santo possui diversas “joias turística” por todo o estado.

Uma dessas joias é o Parque Estadual da Pedra Azul.

Localizado no sudeste do Espírito Santo, esse parque possui diversas trilhas, locais para escalada. Ah, e é claro, uma paisagem incrível. Além de tudo isso, o local possui uma excelente infraestrutura para turistas. Boa sinalização, e até mesmo restaurante no local. As visitações, no entanto, devem ser agendadas (gratuito). Mais informações podem ser obtidas no site: http://www.pedraazul.com.br/website/Site/PontosTuristicos.aspx?id=24

Rota do Lagarto

A rota do lagarto é entrada para o Parque Estadual da Pedra Azul. E, possivelmente, é uma das estradas mais bonitas de todo o país.

Além das belas paisagens, durante a rota você encontrará pousadas, locais para camping. Bem como lanchonetes e restaurantes.

Itaúnas

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

Essa daqui, pode muito bem ser uma das praias mais bonitas do Sudeste do Brasil. Nela estão diversas dunas, onde acontece muita animação e a natureza proporciona aos turistas maravilhosas paisagens. Uma das grandes vantagens de Itaúna é que o local se manteve basicamente um vilarejo, quase não há poluição visual. Então, o céu noturno por si só já é um espetáculo.

Além do pequeno pedaço de paraíso, para os fãs de forró em julho acontece o maior festival do Brasil em Itaúnas. “Festival Nacional de Forró de Itaúnas”.

A diversificação do Sudeste do Brasil

O Sudeste do Brasil possui gente de todas as culturas, etnias e religião. Por isso, um ponto turístico muito interessante no Espírito Santo é o Mosteiro Zen Morro da Vargem. Fundado em 1974, este foi o primeiro mosteiro zen budista da América Latina.

O local é muito pacífico e bonito. E está aberto para visitações nos domingos.

Praias e parques

O Espírito Santo possui muitos outros parques e praias. Como Guarapari, lá também está o parque Morro da Pescaria. Vários museus na capital que também não foram mencionados, por exemplo, o Museu de Artes do Espírito Santo. Bem como, diversas igrejas para o turismo religioso e histórico.

O ES é um ótimo estado para se conhecer. Locais que, como mencionado, agregam muito à qualidade do turismo da região Sudeste do Brasil.

POR FIM…

imagem ilustrando as belas paisagens que possui o sudeste brasil

            O Sudeste do Brasil é um lugar mágico. Neste artigo mal arranhamos a superfície dos diversos pontos turísticos presentes na região. É muito diversificado, dessa forma, as opções de roteiro são inúmeras. Em conclusão, independentemente do que você procura em suas férias; o Sudeste do Brasil provavelmente tem uma ótima opção de viagem pra você!

            Ah, e vale sempre lembrar… Mesmo em viagens nacionais o seguro viagem é muito recomendado! Afinal, imprevistos e acidentes acontecem, não deixe isso arruinar seus momentos de lazer e descanso!

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

You may also like

Leia mais